www.passandoalimpo.com

Arthur Godoy Júnior

arthur007@uol.com.br

Telefone e WhatsApp (11) 99118-5007


São Paulo, 29 de setembro de 2020

Atualizado às 00h10

online


Política

Jefferson tira PTB de Campos Machado mas Crippa continua como vice de Beth Sahão

Todos os detalhes, logo abaixo...





BOM DIA NOTÍCIA

Diariamente, às 06h00, os integrantes dos Grupos de WhatsApp do site Passando a Limpo recebem o programa Bom Dia Notícia, com as principais notícias das últimas 24h00. Previsão do tempo, trânsito, entrevistas, informações sobre a cidade, comentários e muita prestação de serviços. O catanduvense acorda ao som do cantar do Galo, num jornalismo ágil e dinâmico.

Agora, você não precisa estar nos Grupos de Whatsapp para ter acesso ao programa. Só clicar nas imagens acima e ouvir pelo Soundcloud. A atualização acontece logo pela manhã. Você pode participar enviando seu recado ou sua mensagem de voz para (11) 99118-5007. Envie para a nossa produção o problema de seu bairro, sua indignação, sua reclamação. Participe.

Então, você já sabe. Bom Dia Notícia. Pelos grupos de WhatsApp pontualmente às 06h00. Pelos links, logo pela manhã. Aguardamos sua participação.

Quando o Galo cantar, a notícia estará na palma de sua mão.


- O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, destituiu Campos Machado da presidência estadual do partido. Jefferson não aceita que o PTB no país feche acordo com partidos contrários ao presidente Jair Bolsonaro. Entre os partidos estão o DEM e o Partido dos Trabalhadores.

- O presidente nacional da legenda chegou a cancelar convenções do PTB no Grande ABC. Isso porque o PTB se aliou ao PT.

- Em Catanduva, a dobrada entre PT e PTB aconteceu com Beth Sahão na cabeça e Marcos Crippa como vice. A primeira preocupação seria se essa tomada do partido por Ricardo Jefferson poderia melar a dobradinha na cidade.

- Porém, até o início desta terça-feira, tudo estava completamente inalterado. Crippa continua como vice de Sahão.

- Segundo juristas, como a chapa já está registrada não há possibilidade de Jefferson desfazer o acordo.

- Padre Osvaldo esteve em cima de um caminhão percorrendo os bairros próximos ao Bom Pastor. O padre foi bem acolhido.

- Faltando uma semana para as eleições no Simcat, que acontecem no dias 08 e 9, a chapa número 2, a Servidores em Ação, ainda não conseguiu se registrar para concorrer. Parece que vamos chegar ao absurdo de começar as eleições esperando uma decisão judicial. Nos grupos dos servidores, muitos se mostram favoráveis à uma eleição com duas chapas, mas a atual diretoria do Simcat não arreda o pé e garante que a chapa Servidores em Ação está totalmente irregular e que o prazo para a inscrição já está encerrado. Isso ainda vai dar muito pano pra manga.

- Acontece no próximo dia 14 de outubro, às 11h30, a audiência virtual envolvendo Afonso Macchione, ex-prefeito catanduvense e Amarildo Davoli, vereador pelo PV. Macchione processo o vereador na área cível alegando dano moral por frases ditas por Davoli na tribuna da Câmara Municpal. Macchione pede indenização de R$ 15 mil.

- E hoje tem sessão do legislativo. Nenhum projeto de relevância. Apenas denominação de ruas e nada mais.

- Na próxima sexta-feira, dia 02, acontece no Anfiteatro da Fundação Padre Albino encontro entre grupos sindicais e os candidatos a prefeito de Catanduva. O encontro é promovido por sindicatos, e esperam ouvir as propostas de cada candidato. Já confirmaram presença Roberto Cacciari, Beth Sahão e padre Osvaldo. Ricardo Rebelato ainda não confirmou a participação.

A cada atualização, esta coluna receberá novos comentários e informações. Colabore enviando seu e-mail para arthur007@uol.com.br, com o título "Direto da Redação", ou através do WhatsApp - (011) 99118-5007. Após recebermos a informação, realizaremos a checagem e publicação. Sigilo absoluto. Passando a Limpo: é você quem faz!


Opinião

Temperatura máxima!

Ninguém poderá colocar em dúvida o número de trabalhos legislativos dos últimos quatro anos, e a atuação da atual Câmara Municipal. Os vereadores desta legislatura simplesmente cassaram por duas vezes um prefeito municipal, e isso não é pouca coisa. Aliás, foi o primeiro episódio desta natureza na cidade.

Porém, quis o destino que problemas do passado viessem a estourar exatamente no final desta legislatura e ainda em período eleitoral. Dois vereadores, Enfermeiro Ari e Wilson Paraná foram surpreendidos com decisão do Tribunal de Justiça onde se negou recurso impetrado contra decisão em primeira instância que condenou a ambos por improbidade administrativa. Eles foram acusados - junto com outros dois ex-vereadores, de tomarem para si parte dos valores pagos a seus ex-assessores. Os assessores recebiam na tesouraria da Câmara e teriam sido obrigados a devolverem parte dos salários para os parlamentares. Eles negam as acusações.

Na manhã de ontem, um pré-candidato a vereador protocolou na Câmara um pedido de cassação dos parlamentares. Este documento será lido em plenário e encaminhado para a Comissão de Ética que irá discutir se pede ou não a abertura de uma Comissão Processante. Caso deliberem pela abertura da comissão e esta proposta seja aceita em plenário, os parlamentares enfrentarão o mesmo calvário que o ex-prefeito Afonso Macchione. Nestas horas, Macchione deve estar se servindo do melhor vinho italiano, ao som da Tarantela. Ele nunca escondeu de ninguém que Enfermeiro Ari foi um de seus algozes e isso estava atravessado em sua garganta.

Se não fosse Rodriguinho da Feira, outro iria entrar com o pedido. Isso é o chamado óbvio ululante, pois os interesses são vários. É uma peça do destino que Enfermeiro Ari tenha saído do hospital e ido diretamente para dentro de uma panela escaldante.

Esta situação é mais um capítulo de uma novela complicada, as eleições catanduvenses mais estranhas de todos os tempos. Por conta da pandemia, pela falta de articulação de candidatos, pela participação de um padre, por vices inexpressivos, e agora, com a faca no pescoço de dois vereadores em época de eleição.

O atual enredo de 2020 jamais seria escrito por alguém. É muito terror para um ano só.

Esta é a opinião do site Passando a Limpo.


Mande seu recado, sua reclamação, sugestão, ajude a sua cidade. O e-mail para contato é arthur007@uol.com.br. Você pode clicar no link acima e escrever seu comentário.


- E a campanha eleitoral começou. Ontem, várias páginas de redes sociais amanhecerem com santinhos de candidatos. Várias grupos de WhatsApp amanheceram com propagandas de candidatos. E logo pela manhã, pelo menos dois candidatos passaram a cumprir agenda. O padre Osvaldo esteve na feira da Vila Celso, comendo um pastelzinho. Conversou com várias pessoas. Depois, ainda esteve lá na Pista do Aeroporto, onde conversou com algumas pessoas. Mais à noite, participou de uma live no Facebook.

- O candidato Ricardo Rebelato, do PP, reuniu centenas de veículos para uma carreta pela cidade. Muita gente se concentrou lá perto do Aeroporto, e acompanhou o caminhão do candidato pelas ruas da cidade.

- Roberto Cacciari continua em recuperação da Covid-19 e a candidata Beth Sahão, do PT, participou de uma live onde falou sobre os cuidados que está tendo por conta do isolamento social. Não podemos esquecer que a candidata tem uma mãe de 92 anos, que reside com ela, assim, todo cuidado é pouco.

- E as eleições no Simcat realmente vão parar na Justiça. A atual diretoria realmente não quer permitir que a Chapa 2, a Servidores em Ação, possa disputar as eleições. Os atuais diretores alegam que a impugnação da ex-presidente por falta de tempo como sócia acaba impugnando toda a chapa. A chapa da oposição promete participar nem que for através de liminar.

- E na noite de sábado, o facão pegou pesado nos bares e restaurantes que ainda insistem em desobedecer claramente o Plano São Paulo. A vigilância Sanitária percorreu os principais pontos da cidade e encontrou vários estabelecimentos abertos fora do horário, com aglomerações, muita gente sem máscara. Ou seja, a Casa da Mãe Joana. E a Vigilância saiu multando.

- Saiu no Imprensa Oficial a punição para a Havan, quando em sua inauguração a prefeita Marta, o dono da loja e o presidente do Legislativo, Luis Pereira, ficaram sem máscara.

- A Biblioteca estará aberta para a devolução e retirada de livros, de acordo com o dia e horário agendado pelo munícipe. O funcionamento do espaço, nessa primeira etapa de retomada, será das 8 às 17 horas, de segunda a sexta-feira. - Não serão atendidos usuários sem agendamento e não estarão disponíveis os serviços do Projeto Catanduva Conectada, uso da sala de estudos, leitura de jornais e espaços de convivência da biblioteca, a fim de evitar aglomeração de pessoas.

- A prefeitura não informou como é feito esse agendamento. Então, acredito que as pessoas tenham que telefonar para 3525-0911.

- Apesar de anunciar que não será candidato, o registro da candidatura de Enfermeiro Ari continua sendo analisado pelo Tribunal Regional Eleitoral.

- Próxima sessão da Câmara, que acontece amanhã, tratará apenas de denominações de ruas. Nenhum projeto polêmico será analisado. A temporada de projetos relevantes, com exceção do orçamento 2021, já terminou.

- Nilton Cândido, Enfermeiro Ari e Amarildo Davoli não serão candidatos. Isso já garante a mudança de parte do legislativo para o próximo ano. - O vereador Enfermeiro Ari anunciou ontem que não irá mais concorrer à sua reeleição no legislativo catanduvense. Após a família divulgar que Ari não era mais candidato, e o próprio vereador anunciar publicamente que disputaria a eleição, ele veio a público dizer que após conversar com os familiares decidiu cuidar da saúde e não concorrer à reeleição.

- O PP também soltou uma nota informando que Ari está fora da disputa. Assim, a vida pública de Enfermeiro Ari como vereador, no momento, termina no dia 31 de dezembro de 2020.

- Ele ainda corre o risco de ser cassado por uma comissão processante.

- As atenções voltam-se agora para os próximos passos de Wilson Paraná, do PT. Ele não se mostra propenso a renunciar sua candidatura.

- Ontem foi dia de festa na porta do Hospital São Domingos. Após 22 dias internado, Roberto Cacciari teve alta. O patriarca da família Cacciari enfrentou o Coronavírus, chegou a ser entubado e na saída ainda teve que ser acompanhado por um tubo de oxigênio. Agora, ele começa um período de descanso para depois pensar em sua campanha eleitoral buscando a prefeitura de Catanduva.

- Nas redes sociais, correligionários postaram que dezenas de pessoas esperavam o empresário na porta do hospital.

- Há duas semanas, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Saúde de Catanduva, José Vendramini, anunciou que o sindicato e a Fundação Padre Albino haviam feito um acordo trabalhista. Seria 1% de aumento salarial, mas em compensação os funcionários da Fundação não pagariam o plano de saúde. Um benefício que compensaria o baixo índice de reajuste.

- Ontem, os funcionários foram surpreendidos com aumento na cobrança do plano. Parece que a tabela aumentou ali, e a situação ficou mais ou menos o seguinte: o que eles não pagavam passou a ser cobrado e o que eles pagavam, dobrou de valor. Vendramini anunciou que nesta sexta-feira, 25, terá uma reunião com a presidência da Fundação Padre Albino.

- E agora a polêmica do PARKLET. A churrascaria Castellana que fica ali na rua Ceará começou a instalar um parklet. Para quem não conhece, é como se fosse um tablado, cercado por flores, com bancos, mesas, enfim, um local para que as pessoas possam ficar a vontade. O detalhe é que esse tablado é colocado na rua, não é na calçada, é na rua mesmo.

- Segundo o decreto municipal que apontou as regras deste parklet, ao usar a via pública, o local tem que estar acessível a qualquer pessoa, em qualquer hora.

- O problema é que a localização deste parklet, ali numa rua de grande movimento, passa a ser um ponto perigoso. Segundo o decreto, o parklet tem que ficar a cinco metros da esquina. O alto número de veículos subindo a rua Ceará passa a ser um problema para a segurança do local.

- As eleições para a diretoria do Simcat, que acontecem nos dias 08 em 09 de outubro podem ir parar na Justiça. A história é meio simples. A atual diretoria, presidida por Roberto José de Souza, anunciou as eleições e tão logo a chapa de oposição pediu sua inscrição, foi impugnada por Roberto. A chapa de oposição é a Servidores em ação.

- Segundo o atual presidente do Simcat, a oposição não consegue preencher requisitos básicos para a disputa. Parece que para poder concorrer ou votar o filiado tem que ter pelo menos três anos de Simcat. Após a impugnação, a chapa de Roberto ficou como única alternativa e já saiu por aí anunciando que só ela pode concorrer. A oposição deve entrar na Justiça com um mandado de segurança pedindo ordem judicial para participar das eleições.

- Vale lembrar que a nova diretoria ficará cinco anos no controle do Simcat.

- Os vereadores Wilson Paraná (PT) e Enfermeiro Ari (PP) correm o risco de enfrentar uma Comissão Processante dentro da Câmara Municipal.

- Na manhã desta quarta-feira, o pré-candidato a vereador Rodriguinho da Feira (PDT) protocolou na Câmara Municipal um pedido de cassação do mandato de ambos os vereadores. Segundo ele, a cidade não merece que dois parlamentares condenados por improbidade administrativa, e por rachadinha, continuem ocupando cadeiras no legislativo.

- Na próxima sessão do legislativo, o pedido será lido em plenário e encaminhado para a Comissão de Ética da Câmara. Esta comissão terá um prazo para se posicionar e seu parecer será lido em plenário. Caso a comissão decida indicar a existência de provas para o início de um processo de cassação, será analisado em plenário e se mantendo este posicionamento, haverá a instalação de uma comissão processante.

- O mesmo caminho que foi enfrentado pelo ex-prefeito Afonso Macchione. No caso do ex-prefeito, ele foi cassado por duas vezes.

- Tanto Enfermeiro Ari quanto Wilson Paraná já avisaram que não renunciarão e continuarão como candidatos para as suas reeleições. A família de Enfermeiro Ari está preocupada com a sua saúde e já se posicionou contra a sua participação nas eleições.

- Nos próximos dias, o cartório eleitoral irá publicar em seu mural o registro das candidaturas dos dois vereadores. Caso qualquer um do povo peça a impugnação de suas candidaturas, os parlamentares terão que esperar um posicionamento do Ministério Público e a decisão do Juiz Eleitoral.

- Os advogados dos vereadores já se movimentam para entrar com um recurso especial. Eles querem evitar o caso seja indicado como trânsito em julgado.

- Na manhã desta segunda-feira, 21, o Tribunal de Justiça julgou improcedente recurso impetrado pelos vereadores Enfermeiro Ari e Wilson Paraná contra condenação em primeira instância que os condenou à perda de mandato, direitos políticos por 10 anos e ressarcimento de valores.

- Ele foram acusados de exigir dos seus assessores na Câmara Municipal a devolução de parte dos salários pagos. Além de Enfermeiro Ari e Wilson Paraná, os ex-vereadores Vagner Pimpão e Cido Verdureiro foram condenados na mesma situação.

- Em se tratando de condenação em segunda instância, os vereadores passam a figurar no rol dos chamados "ficha sujas". Na tarde desta segunda, o site Passando a Limpo manteve contato com o dr. Cássio Alessandro Spósito, que representa o Enfermeiro Ari, que informou estudar recursos especiais e extraordinários para evitar o trânsito em julgado.

- Segundo o advogado, não se discute a decisão dos desembargadores, mas quer uma nova apreciação já que em relação a seu cliente, não haveria provas de sua participação efetiva em qualquer ato de improbidade administrativa.

- Os vereadores não se manifestaram publicamente sobre esta decisão. No caso do Enfermeiro Ari ele continua em repouso em consequência das complicações sofridas por sua infecção pelo Covid-19.

- Convenções encerradas. Quatro candidatos. Padre Osvaldo (PSDB), Beth Sahão (PT), Ricardo Rebelato (PP) e Roberto Cacciari (Cidadania).

- A campanha começa oficialmente no próximo domingo, dia 27.

- A semana foi de chuvas e trovoadas, principalmente pelos lados do PSDB. Os integrantes do partido não queriam a entrada do PDT de Richard Casal na coligação. Porém, o padre Osvaldo assumiu a paternidade do partido, bateu o pé e colocou o PDT porta adentro.

- Para tucanos, se o PDT fica dentro da coligação do padre Osvaldo, eles, tucanos, podem perder uma cadeira na Câmara.

- Os mais indignados foram os ligados ao vereador Maurício Gouvêa. Ele era do PV e acreditou em promessas das lideranças do PSDB. Mudou de mala e cuia para o PSDB, e apesar de ser contra a vimda do PDT, teve que engolir.

- Quem mantêm contato com Maurício Gouvêa garante que o vereador não quer saber de conversa com ninguém. Ele chegou a tentar reverter a decisão do padre em colocar o PDT, mas foi ignorado.

- Padre Osvaldo informou em um video que a coligação de seu partido é marcada pela igualdade entre todos, e oportunidade para todos. Assim, o PDT entrou.

- Os integrantes do PSDB que estão indignados com essa situação tentaram afastar o pastor Lucas da campanha do padre. Mas foram derrotados. Pastgor Lucas não será coordenador da campanha, mas estará ao lado em todas as atividades da agenda.

- O presidente do PTB nacional, Roberto Jefferson, anunciou que o partido não poderá coligar com partidos da esquerda, além do PSDB. Em Catanduva, Marcos Crippa é do PTB e está como vice de Beth Sahão. Caso seja obrigado a deixar o PTB, Sahão perderá seu vice.

- Julinho Ramos seria uma opção.

- Até dentro da campanha existe o reconhecimento. Depois das convenções, a campanha de Ricardo Rebelato perdeu força. Muitos dizem que a proximidade com o grupo do governo sepultou o ânimo do pessoal. Depois que o grupo do governo se aliou a Rebelato, o discurso de "novo" foi para o ralo.


tête-à-tête

SALOMÉ PACHÁ

Ela tem linha direta com o governo e ainda nutre esperanças...

Alô, alô. Oi Marta, sou eu querida, a Salomé. Tudo bem? Claro que eu estou sumida...Com esta pandemia que está solta por aí, quem coloca a cara pra fora ganha vaga direto lá no Emilio Carlos. Eu sou do grupo de risco. Uso máscara até para tomar banho...e de álcool gel. Ah, e falando em álcool gel, viu quem deu positivo? Isso, o Betão Cacciari. Isso, tem o Betinho - que é médico - e tem o Betão, que agora é paciente. Será que ele não usava álcool gel? Como dizem, casa de ferreiro o espeto é de pau. Mas ele vai ficar bem, ele é assintomático. É assintomático que fala, né? Então, tirando as facadas nas costas que ele leva dos partidos, o resto, saúde perfeita. Mas e você, querida, como estão as coisas? Ah, está contando os dias para deixar a prefeitura? Também, né meu amor, o Afonso deixou pra você uma batata quente daquelas de fritar a mão. Outro dia eu estava ouvindo a sessão da Câmara, aqui no meu radinho de pilha, nossa, querida, o pessoal parece que está bravo com você. Tudo o que você manda, o pessoal chuta. Assim, fica difícil, né? Estava pensando aqui, e a história da Havan, hein? A gente não se fala faz tempo.... Vi que você foi lá na inauguração da loja. Se eu já fui? Mas nem morta. Tô plantando alface no quintal para não ter que sair de casa. Mas você estava linda, vestida de amarelo. Já podia ir trabalhar no caixa, de vendedora, sei lá... Mas não pegou bem aquela história da máscara.... Como é que é, você ficou sem jeito? Eu vi que o Luisinho Pereira também passou lá, colocando a máscara para baixo do nariz. Ainda bem que deu tudo certo. Como é que, é? Você recebeu uma multa? Mas o pessoal não sabe que você é a prefeita? Por isso que eu sempre digo, não tem que dar aumento de salário para ninguém. Onde já se viu multar a prefeita? O Luis Pereira também foi multado? Bem, conhecendo o Pereira ele vai recorrer até caducar. Vi suas fotos no Muffato também. Ah, mas lá você estava de máscara. Me diz uma coisa, só entre nós, você está deixando uns currículos...não? Ah, boba. Vai ficar em casa aposentada, sem fazer nada, assistindo Encontro com Fátima Bernardes? Deixa disso. E a política, o que você me conta? Como é que é, o partido foi para o lado do Ricardo Rebelato? Mas assim, do nada? Ah, querem colocar o Manzano de vice? Rebelato? Claro que eu conheço. Moço bem comunicativo. Quando começa a falar, não para mais. O duro é começar a falar, mas quando começa.....segura conversa de dois minutos que é uma maravilha... E o Afonso, vai estar na campanha? Ah, claro que vai, né. Tem que participar, nem que for para segurar bandeira na rua Brasil... Ah, o pessoal acha que ele pode afastar os votos dos funcionários? Bem, isso é verdade. Mas é só prometer aumento e pagamento do dissídio que o pessoal volta.... Mas mudando de assunto, belo cabelo, hein...Tá arrumando em casa mesmo? Ah, é uma cabelereira clandestina.... Se eu pudesse sair, até que eu iria.... Mas chega, só liguei para saber se estava tudo bem. Vai se protegendo, querida. Mas tem que se proteger duplamente, pois além da doença, tem as pragas de políticos. E essas pegam.... Beijão para você, querida...E se conseguir emprego na Havan ou Muffato, me fale. Aí eu só compro com você para poder ganhar a comissão.... Beijos...





A notícia não tem hora para acontecer...

GRUPOS DE WHATSAPP PASSANDO A LIMPO

Os leitores do site Passando a Limpo que tiverem o aplicativo WhatsApp podem receber em primeira mão as notícias mais importantes do dia. Política, cotidiano, esportes, prestação de serviços, utilidade pública, administração, enfim, tudo isso em seu aparelho celular.

Acompanhe praticamente em cima da hora o fato, as repercussões, as opiniões. Saiba antes de todo mundo aquela notícia que será a discussão do dia seguinte.

Para participar é fácil.

É só clicar no link abaixo.

Afinal, a notícia não tem hora para acontecer...

Clique no link abaixo (ou nas imagens acima), e faça parte de nossa comunidade.

VOCÊ TAMBÉM PODE PEDIR O ACESSO ATRAVÉS DO WHATSAPP (11) 99118-5007



Tempo e temperatura


Google


Atenção!

Para ter Passando a Limpo em seu órgão de informação, ou receber material editorial de Arthur Godoy Junior, entrar em contato com a direção do site pelos telefones, e-mail ou endereços citados nesta página. Consultorias em jornalismo e estratégias de informação também podem ser adquiridas pelo mesmo método.


ENTRE EM CONTATO

(011)

99118-5007

ou...

(011) - 99118-5007 - WHATSAPP

E-mail: arthur007@uol.com.br


PODERES


Se você gostou deste site, acha que falta alguma coisa, colabore com a gente. Envie e-mail para arthur007@uol.com.br, ou telefone para (11) 99118-5007. Precisamos do seu apoio e incentivo, já que esta página é editada em São Paulo - S.P., a 385 km de Catanduva e região. Nossa intenção é informar, debater e ajudar. Mande suas informações, fotos, comentários. Ajude a manter este espaço. Agradecemos desde já. (Passando a Limpo)



Passando a Limpo é uma publicação on-line do jornalista Arthur Godoy Júnior (MTB 26.822) Endereço para contato: Rua Domingos Teotônio Jorge nr. 61 - Aricanduva - São Paulo - S.P, CEP 03904-040. Telefones: (11) 99118-5007, (0xx11) 2725-1346. E-mail: arthur007@uol.com.br - Hospedado na Locaweb - São Paulo. On-line desde 19/01/2003.