www.passandoalimpo.com

Arthur Godoy Júnior

arthur007@uol.com.br

(17) 99119-2715


São Paulo, 26 de março de 2017

Atualizado às 21h30

online



Funcionalismo

Macchione anuncia que não irá conceder qualquer reajuste no Cartão Alimentação

Índice proposto aos funcionários é de 4,76%, que foi o IPCA dos últimos 12 meses. Pagamento ainda terá que ser vinculado ao plano de economia previsto.



E hoje teve manifestação no centro de Catanduva....



Opinião

Refis - Juntando a fome com a vontade de comer...

Arthur Godoy Júnior

Existe uma diferença enorme entre o caloteiro e aquele que não consegue pagar as suas dívidas. O caloteiro é aquele que deve para meio mundo, mas ostenta sua vida como se tudo estivesse maravilhoso. Ele deve para o padeiro, mas anda com o carro do ano. Deve para o vizinho, mas viaja com a família de férias. Deve para o açougue, para o mercadinho, e prefere falar mal dos credores a procurar acertar a dívida. Aquele que não consegue pagar as suas dívidas, sofre com o nome no Serasa, com o cartão rejeitado, com as dificuldades do cotidiano e não foge de seus credores, assumindo que deve e pretende pagar a dívida o mais rápido possível.

Na semana passada, a Câmara Municipal de Catanduva aprovou um projeto que autoriza o prefeito municipal a implantar na cidade um REFIS, que a grosso modo significa dar a oportunidade para o catanduvense que deve para a Fazenda Municipal pagar as suas dívidas sem juros ou correição. É uma chance de ouro para aquele que deseja pagar o que deve, mas no momento não tem dinheiro. O prefeito municipal já disse publicamente que pretende não apenas vetar o projeto como entrar com uma ação de inconstitucionalidade. Ou seja: mesmo se os vereadores derrubarem o veto, o projeto vai ser discutido na Justiça.

Na lógica da atual administração, se aceitar o REFIS estará desprestigiando os contribuintes que pagam suas contas em dia. Particularmente, não consigo entender como uma oportunidade para uns possa ser um desprestígio para outros. Se o meu vizinho conseguir pagar o que deve para a prefeitura, que prejuízo isso me trará? Chega a ser mesquinho este pensamento de "se eu paguei juros ele também deve pagar". Até pelo fato de que se a prefeitura arrecadar mais, todos ganham. E vamos ser sinceros, os caloteiros não irão pagar conta alguma e os únicos que irão procurar pagar suas dívidas serão as pessoas honestas que passam por um péssimo momento. Se a prefeitura passa por dificuldades financeiras, se estamos na calamidade total, não há motivo para que o governo feche suas portas para uma possível arredacação.

Talvez seja mais fácil, ou lucrativo para alguns, mover uma ação de cobrança, mandar os contribuintes inadimplentes para a dívida ativa do governo, nomear procuradores e advogados para as ações de cobrança, enfim, mover a roda jurídica para arrecadar aquilo que poderia receber através de um plano simples e transparente.

Se a prefeitura precisa de dinheiro, se alguns contribuintes querem pagar, se a Câmara deu autorização, me parece que estamos unindo a fome com a vontade de comer. A não ser que a prefeitura não precise de dinheiro, não tenha ninguém querendo pagar absolutamente nada, e o projeto do REFIS foi uma maneira imbecil da Câmara aprovar algo populista.

Aí, são outros quinhentos.

Meu nome é Arthur Godoy.

Este é o site Passando a Limpo, atualizado diretamente de São Paulo.

E amigos leitores, fiquem bem. Onde quer que vocês estejam...


- O prefeito Afonso Macchione ofereceu 4,76% de reposição salarial aos funcionários. Esse é o valor exato do IPCA do período. Os municipiários pediram 6,3%.

- Por enquanto, nada se falou sobre o dissídio de 2015, que está emperrado. O prefeito em campanha eleitoral, e tão logo assumiu, prometeu resolver a questão o mais rápido possível.

- Os vereadores vão arquivar as denúncias contra Amarildo Davoli. O vereador era acusado de agressão e falta de decoro parlamentar por agredir o atual presidente Ari Enfermeiro, na cerimônia de posse, e dizer em sua primeira fala na tribuna que os "vereadores da legislação passada participaram de um verdadeiro balcão de negócios". Ele chegou a nominar Ari Enfermeiro e Marcos Crippa.

- Apesar do arquivo do processo por parte do Conselho de Ética, a promotoria continua querendo saber o que é esse tal "balcão de negócios". Davoli terá que explicar o que quis dizer e em caso de alguma denúncia séria, por qual motivo não se manifestou anteriormente.

- A visita de Michel Temer a Rio Preto levou praticamente todos os grupos políticos de Catanduva para o evento. Obviamente, apenas os petistas não quiseram saber de conversar com o "golpista".

- O ex-prefeito Geraldo Vinholi esteve com o filho, o deputado Marco Vinholi. Tanto o pai quanto o filho tem grande proximidade com José Serra e Aloysio Nunes Ferreira. Vinholi também encontrou com o governador Geraldo Alckmin.

- Nesta próxima terça-feira, o presidente do legislativo, Ari Enfermeiro, estará em São Paulo para encontros em secretárias e também na sede do Centro Paula Souza. Segundo informações, tentará recursos para Catanduva.

- Possivelmente, não participará da sessão onde Amarildo Davoli será perdoado pelo plenário.

- Ainda continua rendendo nas redes sociais o voto do deputado Sinval Malheiros a favor das terceirizações. O parlamentar, até o momento, silencia sobre o assunto.

A cada atualização, esta coluna receberá novos comentários e informações. Colabore enviando seu e-mail para arthur007@uol.com.br, com o título "Na Ponta da Pauta". Após recebermos a informação, realizaremos a checagem e publicação. Sigilo absoluto. Passando a Limpo: é você quem faz!


Boa noite Arthur,

li uma carta no seu blog que diz: "Tem tanta coisa pra fazer, tanta coisa pra cuidar, mesmo que essa estória de UNESP saia do papel, vemos as situações das universidades públicas, sucateadas, com infraestrutura decadente, greve e mais greve. A FATEC tá aí pra provar isso."

Desculpe, mas não temos uma infraestrutura decadente. Temos sim problemas com o prédio. Problemas esses que serão resolvidos com uma possível reformar (custeada pelo Centro Paula Souza) e que deve acontecer em breve. Ademais, não temos "greve e mais greve".

Obrigado

Marco Antonio De Grandi - Coordenador de Gestão da TI - Fatec


Boa Tarde Arthur,

Percebi que voce está tão indignado quanto eu com esse assunto de UNESP na cidade.

Vamos começar pela educação básica, as escolas municipais estão superlotadas, muitas salas foram fechadas, sobrecarregando o numero de alunos e o trabalho do professor.

Essas escolas precisam se virar nos trinta para oferecem um ambiente de qualidade (ou quase) para os alunos, venda de rifa, torta, feijoada, festinhas, tudo isso para arrecadar fundos para a escola. As entidades então, não podem contar com a prefeitura nem para o pagamento da conta de energia, muitas juntam material reciclável para abater na conta de luz. As entidades também não recebem merenda com frequencia, algumas pedem colaboração dos pais com frutas, por exemplo. O resto é correr atras de doações.

Estamos entrando no mês de abril, e o material escolar ainda não chegou, nem o uniforme. O material didático foi entregue, porém nas salas onde o numero de alunos excede o permitido, há falta de apostilas.

No âmbito do ensino superior, a FATEC se encontra instalada em locas inapropriado e em prédio de situação decadente.

A FAFICA, instituição onde sou aluna, não preciso nem listar os problemas estruturais que ela possui, porque voce ja os conhece e ja os publicou. Mas tem mais, não temos novas turmas nas licenciaturas de História, Geografia e Letras há três anos, e esse ano não tivemos nova turma de Pedagogia. Ano em que é aplicada a prova ENADE para a avaliação da instituição, nos deram cadeiras estofadas, pois esse objeto aumenta pontos para a instituição.

Mas só esse ano.

Sem trevo, sem rede elétrica eficiente, professores arcaicos, sem transporte, pois o onibus da Jundiá vai para a FAFICA apenas três vezes ao dia, durante a semana. Detalhe: temos aulas aos sábados, mas não tem transporte.

Bom, esses são alguns dos probleminhas que a educação de Catanduva enfrenta, e só quem trabalha na área sabe das dificuldades.

Temos alunos com necessidades especiais sem assistencia especializada, sem material apropriado para trabalhar, e muitas vezes sem cuidadora, dificultando o trabalho do professor e a aprendizagem de todos os alunos.

Eu não li a matéria no Regional, porque notícia que vangloria o que ainda vai acontecer, eu deixo pra ler no Sensacionalista, que pelo menos tem tom de humor.

Seria bacana o senhor prefeito descer do pedestal em que ele se encontra, e olhar com atenção para as instituições que já estão na cidade e são de responsabilidade da prefeitura.

Deixar de lado o argumento de "gasto" com educação, e ver como investimento para uma sociedade melhor.

Tem tanta coisa pra fazer, tanta coisa pra cuidar, mesmo que essa estória de UNESP saia do papel, vemos as situações das universidades públicas, sucateadas, com infraestrutura decadente, greve e mais greve. A FATEC tá aí pra provar isso.

Esse Macchione tá querendo dar uma de Dória, com esse marketing barato, mas o Dória pelo menos faz propaganda do que ele ESTÁ fazendo, não do que IRÁ fazer.

Tudo bem, a população de Catanduva é mesmo ignorante a ponto ignorar uma conjugação verbal e aplaudir o show do prefeito.

O meu balanço pessoal desses quatro meses de Macchione é o seguinte: cortar mato, falar mal do Vinholi e se esquecer da educação e projetos sociais.

LEITORA

Mande seu recado, sua reclamação, sugestão, ajude a sua cidade. O e-mail para contato é arthur007@uol.com.br. Você pode clicar no link acima e escrever seu comentário.


Enquanto isso...

- 4,7% de dissídio?

- Vão pagar em dinheiro ou pão francês?


Dia seguinte...

- Mas você não falou que ia valorizar o funcionário? Com 4,7%?



É só clicar

- Página localizada no Facebook publicou que computadores do chamado programa Acessa São Paulo, estão parados e sem conexão na biblioteca. Talvez, empoeirando. O wi-fi das Praças e do Terminal Urbano, desativado. Será que a economia com este tipo de corte, ou descaso, é tão grande a ponto de interromper programas de acessabilidade digital? Para alunos que não têm computador em casa ou precisam pesquisar na biblioteca, é fundamental que aqueles terminais funcionem. Por enquanto, a prefeitura ou o departamento responsável pela história, informática ou cultura, ainda não se manifestaram.

PARA LER OS PRINCIPAIS ARTIGOS E COMENTÁRIOS PUBLICADOS NO FACEBOOK - CLIQUE AQUI


Aguardando atualização...


http://twitter.com/arthurgodoyjr


Colunismo mais que social tem nome e sobrenome:

Arlindo Gutemberg

- Também entrei em férias...

PARA ACESSAR A PÁGINA DE ARLINDO GUTEMBERG NO FACEBUNDA - CLIQUE AQUI OU NO LINK ACIMA -





Tempo e temperatura


- Será férias ou aposentadoria?

- Do jeito que a página tá ruim, é tudo a mesma coisa...kkkk



Em algum lugar do passado...

Há um ano...

O rio São Domingos transbordava...


Para avaliar o que leu no site Passando a Limpo e o nosso trabalho e linha editorial, clique no banner acima.

Coleta de dados em 28/01/2017

O que você achou do que leu no site Passando a Limpo?

O site foi imparcial, isento e pluralista. 7.14%

O site foi parcial. 35.71%

Passando a Limpo exagerou, foi sensacionalista. 14.29%

As matérias e opiniões apresentadas foram coerentes. 14.29%

O site Passando a Limpo não preencheu minhas expectativas. 7.14%

Passando a Limpo foi completo. 0.00%

Passando a Limpo foi preconceituoso. 0.00%

O site omitiu informações. 0.00%

Passando a Limpo foi pontual e excelente. 14.29%

Passando a Limpo está desatualizado. 0.00%

Passando a Limpo não está nem melhor nem pior que os jornais. 0.00%

Os colunistas foram bem. 0.00%

Os colunistas foram lamentáveis. 7.14%

Após a leitura, nada tenho a avaliar. 0.00%


Google


JORNAIS


PODERES


ENTRE EM CONTATO

99119-2715

(017)

- Não precisa discar código de operadora. É direto!

ou...

(011) - 99118-5007

(011) - 2725-1346

E-mail: arthur007@uol.com.br


Conectados

Onde estão os nossos leitores...

No Brasil

Potirendaba, Palmares Paulista; Novais; Elisiário; Tabapuã; Novo Horizonte; Carapicuiba; São Pedro; Ribeirão Preto ; São Paulo ; Catanduva ; São Jose Do Rio Preto; Campinas ; Araraquara ; Bariri ; São Carlos; Brasilia ; Rio de Janeiro; Marilia ; Sorocaba; Aracaju ; Presidente Prudente; Araçatuba ; Lins ; Paulínia; Osasco ; Fernandópolis; Porto Alegre ; São Jose Dos Campos; Uberlandia ; Barretos ; Franca ; Braganca Paulista; Santo Andre ; Americana ; Piracicaba ; Bauru ; Recife ; Tres Lagoas; Guarulhos ; São Vicente; Belo Horizonte; Assis ; Santos ; Hortolândia; Pindamonhangaba; Apucarana ; Jundiai ; Cuiaba ; São Caetano Do Sul; Nova Odessa ; Leme ; Indaiatuba; Navegantes; Pelotas ; Curitiba ; Salvador ; Goiania ; Rio Claro; Florianópolis; Barueri ; Manaus ; Taubate ; Limeira ; Itajuba ; Adamantina; Fortaleza ; João Pessoa; Presidente Epitácio; Santa Maria ; Cornelio Procópio; Blumenau ; Mogi-Guacu ; São Leopoldo; Londrina ; Bélem ; São Luis; Lorena ; Cascavel; Campo Grande; Suzano ; Botucatu ; São Sebastião; São João Da Boa Vista; Natal ; Ourinhos; Vitoria ; Porto Velho; Laranjal Paulista; Nova Iguacu ; Macapa ; Porto Ferreira; Caxias Do Sul; Chapeco ; Maceió ; Pocos de Caldas; Novo Hamburgo; Vila Velha ; Joinville ; Niteroi ; Dracena ; Cubatão ; Petrópolis; Uberaba ; Criciuma ; Teresina ; Canoas ; Conquista; Palmas ; Iperó ; Vitória Da Conquista; Imperatriz ; Vicosa ; Sete Lagoas; Porto Real ; Juatuba ; Itarare ; Jaguarari ; Santa Rosa; Caçador ; Ponta Grossa; Tupã ; Araguaina; Macaé ; Alfenas ; São Bernardo Do Campo; Eunapolis ; Passo Fundo; Cafelândia ; Flores Da Cunha; Cabo Frio ; Sobral ; Rio Verde; Mocóca ; Parobe; Itaperuna ; Barra Mansa; Campos ; Ribeirão Pires; São Jose Do Rio Preto; Lençóis ; Caetite ; Ijui ; Braço Do Norte; Mossoró ; Juazeiro Do Norte; Campina Grande ; Simões Fiho ; Floresta ; Teófilo Otoni; Três Corações; Teresópolis ; Paulista ; Dourados; Santana Do Livramento; Itaguai ; Itapetininga; Araxa ; Lajeado ; Cataguases; Cotia ; Avare.

Ao redor do planeta

United States ; Canada ; United Kingdom ; Panama; Argentina ; Portugal ; Italy ; Spain; France; Nigeria; Japan ; Angola; Germany; Chile ; Switzerland ; Ireland ; Turkey ; Guatemala ; Ecuador ; Russia ; Mozambique; Netherlands ; Sweden ; New Zealand; Czech Republic; Bolivia ; Colombia ; South Korea; Estonia ; Mexico ; Norway ; Paraguay ; Dominican Republic.

Fonte: Google


Sua cidade não está na lista? Mande-nos um e-mail para que possamos atualizá-la.


Se você gostou deste site, acha que falta alguma coisa, colabore com a gente. Envie e-mail para arthur007@uol.com.br, ou telefone para (17) 9119-2715. Precisamos do seu apoio e incentivo, já que esta página é editada em São Paulo - S.P., a 385 km de Catanduva e região. Nossa intenção é informar, debater e ajudar. Mande suas informações, fotos, comentários. Ajude a manter este espaço. Agradecemos desde já. (Passando a Limpo)


Atenção!

Para ter Passando a Limpo em seu órgão de informação, ou receber material editorial de Arthur Godoy Junior, entrar em contato com a direção do site pelos telefones, e-mail ou endereços citados nesta página. Consultorias em jornalismo e estratégias de informação também podem ser adquiridas pelo mesmo método.


Site Meter


Passando a Limpo é uma publicação on-line do jornalista Arthur Godoy Júnior (MTB 26.822) Endereço para contato: Rua Domingos Teotônio Jorge nr. 61 - Aricanduva - São Paulo - S.P, CEP 03904-040. Telefones: (17) 99119-2715, (0xx11) 2725-1346 e (0xx11) 99118-5007. E-mail: arthur007@uol.com.br - Hospedado na Locaweb - São Paulo. On-line desde 19/01/2003.