www.passandoalimpo.com

Arthur Godoy Júnior

arthur007@uol.com.br

Telefone e WhatsApp (11) 99118-5007


São Paulo, 22 de agosto de 2019

Atualizado às 23h00

online



A notícia mais importante desta atualização

Usuários do Conjunto Esportivo falam em abandono e falta de segurança

Todos os detalhes, logo abaixo...





Vamos falar sobre educação!

É preciso expor Arthur acho que quem ler e presencia irá concordar. Nao sei COMO pode caminhar uma educação tão a deriva e desorganizada.....concurso efetivo de direção onde muitos diretores estão desistindo...por não receberem FUNDEB e por terem 1001 responsabilidades e quase respaldo nenhum...diretores que cuidam de 2 escolas uma aqui outra bem do lado de lá. Quem veio de fora está mais perdido que cego em tiroteio...dizem que processo esta brecando convocaçoes . Quanto a "BNCC "...um espanto!. parece que caiu de paraquedas.

Já alteraram o planejamento ( feito pelos professores) uma porção de vezes ..() e nao chegam a um consenso. Só querem superlotar salas e exigem que tenha avaliação escrita diária além do planejamento diário remetido a SME e trocado pelos próprios professores sem coordenação nehuma. Tudo como sempre saindo do próprio bolso dos mesmos, se querem trabalhar precisam levar seu próprio material, ...E o material pedagógico diversificado/ brinquedos... para acompanhar a BNCC?? Muita demagogia.

Retiram valorização de 5% e enfiam cada vez mais a faca no bolso do professor so querem quantidade sem riqueza em real aprendizagem e conteudo...pq criancas de hoje em dia não vivem mais de lousa de giz e brinquedos espatifados. Cidades da região ja têm quadro branco ate lousa digital...ar condicionado. Ai de nos se nao levássemos as coisas de nossos filhos/ netos para escola, a coisa estaria bem pior. Ai de nós se sobrevivessemos somente com os livros que vem de x em quando na biblioteca largada , mal cuidadas nas escolas.

Faltam profissionais nos setores. Tudo nas costas de 1 como a coisa anda (!?)

Mande seu recado, sua reclamação, sugestão, ajude a sua cidade. O e-mail para contato é arthur007@uol.com.br. Você pode clicar no link acima e escrever seu comentário.




- Um dos principais pontos da cidade está abandonado e sem segurança. Pelo menos é o que vem relatando usuários do Conjunto Esportivo. Na manhã desta quinta-feira, uma jovem chegou a ser abordada enquanto estava caminhando. O rapaz anunciou assalto, mas a jovem conseguiu sair correndo. Outros casos nestas mesmas condições já foram alvo de comentários entre as pessoas que usam o conjunto.

- O ponto mais perigoso está localizado ao lado do centro esportivo, longe da entrada principal do conjunto. Ali, na caminhada, os frequentadores acabam desaparecendo da vista dos demais usuários. Como a região é escura e a iluminação precária, facilita a ação de assaltantes. A intenção é obter telefones celulares das pessoas que caminham. A rota de fuga também é facilitada pois existe um matagal naquela região que está ao lado do rio São Domingos.

- Os usuários reclamam ainda da falta de manutenção do Conjunto. Não há câmeras de segurança no local, e o único vigia fica no portão principal. Não existe segurança interna ou ronda. Nos grupos de WhatsApp do site Passando a Limpo um leitor comparou o Conjunto Esportivo com a situação do Parque localizado ao lado do aeroporto, onde a Guarda Municipal intensifica a vigilância.

- Há muito tempo o Conjunto Esportivo vem sendo colocado em segundo plano. As placas de sinalização e alguns dos equipamentos já demonstram grande desgaste. A piscina é um exemplo do descaso com o local.

- Por uma ironia, a sede da Secretaria de Esportes é justamente no Conjunto Esportivo.

- Frequentadores estão pedindo luminárias com maior potência, limpeza, sinalização, restauração de alguns pontos da pista e a presença de guardas municipais ou pelo menos uma vigilância interna.

- Um dos problemas está relacionado na falta de registro de boletins de ocorrência por parte das pessoas que são abordadas dentro do conjunto. Sem o registro do boletim, as estatísticas não indicam a necessidade de uma atenção maior na área de segurança. Há orientação para que todas as pessoas que forem assaltadas ou abordadas de forma ameaçadora registrem o boletim de ocorrência, peçam a presença da Polícia Militar e da própria Guarda Municipal.

- Vigilantes que trabalham no ginásio de esportes não atuam dentro do conjunto.

- A intenção de Marco Vinholi e João Dória em enfrentar a Velha Guarda do PSDB para garantir a filiação de Alexandre Frota no ninho tucano desagradou alguns representantes mais antigos do partido em Catanduva. Para eles, nomes como Aloysio Nunes Ferreira, Fernando Henrique Cardoso, José Serra, Geraldo Alckmin e Aécio Neves merecem respeito.

- Enquanto conseguiam colocar Alexandre Frota no PSDB, Marco Vinholi e João Dória viram a Executiva Nacional garantir a permanência de Aécio Neves no partido. Vinholi e Dória foram derrotados por 34 a 4. Segundo eles, quem perdeu foi quem decidiu pela permanência de Aécio Neves na legenda.

- Aécio Neves que é deputado federal, e no passado teve seu nome envolvido com denúncias envolvendo valores e empreiteiras.

- João Dória que não costuma passar recibo já conversa abertamente sobre uma fusão do PSDB e o DEM.

- Gostando ou não, Dória hoje é o governador do Estado de São Paulo, o que já lhe garante um grande peso político.

- Vale lembrar que na eleição presidencial, o PSDB que era comandado por Geraldo Alckmin passou vexame.

- E a bolsa de apostas políticas localizada nas padarias da vida acredita que na próxima eleição o grupo de Afonso Macchione apresente uma novidade nas urnas eletrônicas: Macchione.

- Não o Afonso, mas o Pedro. O médico foi visto em reuniões políticas, e pode ser uma resposta de peso para quem acredita que o nome "Macchione" deixou a política pela porta dos fundos.

- Na Câmara, a informação é que pelo menos um vereador deve ingressar no PSL. O nome cotado seria o de Cidimar Porto, e com ele, desembarcaria meia prefeitura.

- Se de um lado seria ótimo para o PSL ficar fortalecido, por outro, o presidente da legenda em Catanduva, João César Moraes, daria adeus à intenção de ser candidato a prefeito. Dentro do grupo que hoje administra a cidade existem nomes mais fortes para uma candidatura à chefia do Executivo.

- Vídeo da deputada Beth Sahão (PT) criticando o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, e o número de pessoas mortas pela polícia carioca andou passeando pelas redes sociais. A deputada, que adotou "Lula" em seu nome, acabou sendo alvo de internautas.

- A deputada respondeu:

- ADVERSÁRIOS FOGEM DO DEBATE QUE REALMENTE INTERESSA

Tomei conhecimento da polêmica que se criou em algumas páginas de Facebook e grupos de WhatsApp em Catanduva, por conta de minha fala na Comissão de Direitos Humanos da Alesp, proferida na data de ontem. Gostaria de esclarecer algumas coisas: 1) Faz mais de 20 anos que atuo na política em Catanduva e sempre me posicionei dessa forma, a favor da vida, independentemente de quem for o envolvido. A educação cristã que recebi é baseada no perdão e no amor ao próximo, inclusive ao inimigo. Portanto, não esperem, jamais, que eu aprove uma política de “segurança pública” baseada no tiroteio. Em nenhum país civilizado isso deu certo e não será aqui que dará. Não adianta vir com achismo. O que eu digo se baseia em números concretos. No caso específico ocorrido ontem no Rio de Janeiro, sou solidária às vítimas do sequestro, em primeiro lugar. Mas abomino a postura de abutre do governador daquele estado, que usou uma morte para se promover politicamente. 2) Promoção política também é o que fazem alguns grupelhos radicais de Catanduva, tentando trazer para cá, de maneira distorcida, um debate que sequer diz respeito à nossa realidade. Chega a ser irônico que numa cidade com transporte público deficitário funcionando à base de recorrentes contratos emergenciais, as pessoas estejam mais preocupadas com os ônibus alheios. Não quero tolher o direito de ninguém de se indignar ou se comover com esse episódio trágico ocorrido no Rio de Janeiro. Eu também me comovi. Quero, sim, lembrar dos temas que realmente afetam nossa cidade e que essas pessoas tentam desviar do debate público, pelo simples fato de que não têm propostas reais. Por que esses grupelhos radicais não debatem uma política de geração de emprego, por exemplo? Os principais polos comerciais de Catanduva como as ruas Brasil, Maranhão, XV e Sete nunca tiveram tantos pontos ociosos ou fechados. O que essas pessoas têm a propor para solucionar o problema e gerar emprego e renda para quem precisa? Eu tenho propostas concretas para essa e outras questões, sejam elas na saúde, na educação, na infraestrutura, no transporte, no meio ambiente. E os que me criticam, o que têm a dizer? Acabei de destinar R$ 1,520 milhão em recursos para Catanduva, para a realização de obras e projetos que melhoram a vida do povo. E os que me atacam, o que têm a oferecer para nossa população, além de moralismo tosco e patrulhamento ditatorial das ideias alheias? Não vou mudar minhas convicções filosóficas e políticas para agradar ninguém, em especial desocupados que passam o dia todo no WhatsApp falando mal dos outros. Nunca precisei disso. Quem me conhece de verdade sabe como penso e me respeita por isso. Minha atuação política se baseia na ação concreta, buscando desenvolver nossa cidade e melhorar a vida dos catanduvense. Já para quem não tem preparo nem capacidade só resta o discurso do ódio e a inveja.

Ass: Beth Sahão, A DEPUTADA DE CATANDUVA

PS: Aqueles que quiserem debater comigo de maneira franca e civilizada, basta marcarem dia e local, que irei com o maior prazer. Não precisam se esconder por detrás de videozinhos e correntes de WhatsApp.

A cada atualização, esta coluna receberá novos comentários e informações. Colabore enviando seu e-mail para arthur007@uol.com.br, com o título "Na Ponta da Pauta", ou através do WhatsApp - (011) 99118-5007. Após recebermos a informação, realizaremos a checagem e publicação. Sigilo absoluto. Passando a Limpo: é você quem faz!


Opinião

Está bem definido que nada está definido...

Arthur Godoy Júnior

Dia desses estava conversando com um vereador e ele me confidenciou que dentro dos corredores do legislativo há a certeza que apesar da caneta estar na mão da prefeita Marta, a mão da prefeita é comandada pelo ex-prefeito Afonso Macchione. Essa certeza é tão vibrante que alguns vereadores não escondem esta sensação. Um deles é o vereador Maurício Gouvêa, do Partido Verde, que em suas falas tem chamado a prefeita de marionete, ou algo parecido. Marta dialoga, mas não estaria dando um passo que não estivesse de acordo com o trajeto de Macchione. Por isso, a manutenção de secretários e a continuidade de algumas obras. No momento, passamos pela temporada de recapes, que atinge ruas principais, o centro, e alguns pontos mais afastados. Já na área da saúde, nada de novo no front. Se as expectativas se confirmarem, neste próximo verão teremos grandes emoções com os números da dengue. Em um inverno em que a temperatura média foi de 29 graus, os criadouros estão fervilhando à espera das chuvas.

O marido da prefeita, um empresário ligado ao ramo de empreiteiras e construtoras, foi ouvido pela CEI do Concreto. Ele confirmou que comprou cimento do Minervino, o que não é nenhuma novidade. E aproveitou para completar que por motivações políticas deixou de participar das licitações no período em que Geraldo Vinholi foi prefeito. Assim, com o que escrevi até o momento, fica a pergunta: qual o rumo que o atual grupo que comanda a prefeitura irá tomar a partir do ano que vem? A prefeita Marta será candidata? Possivelmente, depois da sabatina que seu marido sofreu – e demonstrou não ter paciência com as políticas do mundo político – deve terminar o mandato, agradecer a participação especial e ir cuidar dos netos. Aliás, se Macchione e não tivesse sido mordido pelo mosquito da vingança pessoal contra Geraldo Vinholi e apego ao poder, que inebria e enlouquece os soberbos – já estaria saboreando a boa vida da aposentadoria política há pelo menos seis anos.

Mas como política é política e ninguém está sozinho, por trás destas lideranças – Macchione e Marta – existe um projeto político. Aliás, não apenas um projeto, mas um grupo. Ou será que alguém acredita que o vereador Cidimar Porto – desde o tempo em que era inimigo número um da administração Vinholi – tirou todos os coelhos da cartola sozinho, sem uma ajudinha deste grupo ou do próprio Macchione? Por isso mesmo, para a manutenção da administração e dos cargos, comissionados, partidos, base no legislativo, é primordial que não apenas apresentem um candidato à prefeitura como o nome escolhido tenha chance reais de vencer a disputa. Por enquanto, dizem que o secretário Fábio Manzano poderia ser este nome. Mas o tempo é muito curto para fazer com que o secretário passe a ser conhecido fora de sua sala. E estamos num período em que o dia tem apenas 10 horas. Ou seja: se forem escolher alguém, tem que ser para ontem.

Na mesa de pôquer, por enquanto, a mão de Macchione e sua turma não está boa. Mas as cartas ainda estão sendo embaralhadas.

Alguém tem alguma aposta?

Meu nome é Arthur Godoy Júnior.

Este é o site Passando a Limpo, atualizado diretamente de São Paulo.

E amigos leitores, fiquem bem. Onde quer que vocês estejam...



- Vereadores da Câmara Municipal de Catanduva estão apresentando requerimentos sugerindo destino que o dinheiro devolvido anualmente pela Câmara de Catanduva deva ser utilizado.

- A prefeitura faz repasses para o legislativo, que ao final de cada ano - na prestação de contas -devolve o que sobrou. No ano passado, a sobra foi de R$ 500 mil. Neste ano, Luis Pereira garante que a devolução alcançará R$ 4 milhões. A prefeitura tem enviado à Câmara, por ano, cerca de R$ 13 milhões, valor obrigatório e previsto em lei.

- Há algumas semanas, o vereador Gaúcho encaminhou um requerimento pedindo para que a prefeita Marta destine R$ 1 milhão do valor devolvido para melhorias na unidade básica de saúde que funciona no Nova Catanduva II. O requerimento foi aprovado pela maioria dos vereadores, já que apenas Amarildo Davoli votou contra esta proposta. Segundo Davoli, esse requerimento era ilegal.

- Porém, na semana seguinte, foi ele, Davoli, quem apresentou requerimentos sugerindo o destino dos recursos devolvidos pela Câmara. O debate no legislativo girou em torno desta iniciativa dos vereadores. Nilton Cândido chegou a sugerir que o orçamento da Câmara seja legalmente reduzido para R$ 8 milhões, e esta diferença seja obrigatoriamente encaminhada para o setor da saúde investir no Nova Catanduva II.

- Na realidade, não passa pela cabeça de qualquer vereador reduzir valor recebido da prefeitura. Inclusive, nos bastidores, funcionários e assessores da Câmara reclamam da postura de Luis Pereira, que fez uma dezena de cortes e aplicou limitações. Cada gasto no legislativo precisa passar pelo crivo do atual presidente. Até mesmo o pagamento de salários é feito através de cheque, assinado pelo presidente.

- Anteriormente, o pagamento de salários era feito através de depósito em conta.

- Para Cidimar Porto, estes requerimentos não passam de uma sugestão e não vê qualquer problema serem aprovados.

- Na prática é isso mesmo, já que a Câmara Municipal não tem poder de indicar onde os recursos devolvidos têm que ser aplicados.

- A prefeita Marta não fez qualquer sinal no sentido de que usará o dinheiro devolvido pelo legislativo nas melhorias da unidade básica de saúde do Nova Catanduva.

- Um vereador ouvido pelo site Passando a Limpo diz que estes requerimentos servem apenas para que parlamentares possam "fazer política".


- O presidente estadual do PSDB, Marco Vinholi, terá sua primeira prova de fogo nos próximos dias. Ele enfrentará a ala conservadora tucana, a chamada "velha guarda do partido". O motivo: a filiação de Alexandre Frota no PSDB paulista.

- Na tarde desta segunda-feira , o ex-presidente estadual tucano Pedro Tobias e o ex-presidente nacional do partido José Aníbal protocolaram um pedido de impugnação da filiação de Frota (ex-PSL) pois “o postulante possui vasto histórico de hostilidades ao PSDB e suas mais emblemáticas lideranças”. Um vídeo onde Alexandre Frota critica duramente o ex-governador Geraldo Alckmin seria o argumento para quem o deseja fora da legenda.

- Marco Vinholi respondeu imediatamente: "vou indeferir. Não há fundamento jurídico ou político no pedido”.

- Vinholi é secretário de Desenvolvimento Regional e segue as diretrizes do governador João Dória, um dos entusiastas da filiação de Alexandre Frota.

- Frota foi expulso do PSL por discordar de algumas decisões do presidente Jair Bolsonaro. Entre elas, a indicação de Eduardo Bolsonaro à embaixada do Brasil nos Estados Unidos. O pedido de expulsão de Alexandre Frota partiu diretamente do presidente.

- Expulso de um lado, acolhido de outro. Dois dias após ter sido anunciada sua expulsão, Frota foi anunciada como o novo nome do PSDB na bancada paulista na Câmara Federal.

- O próprio governador assinou a ficha de filiação. Marco Vinholi foi favorável à entrada do ator/deputado no PSDB estadual.

- Na realidade, a questão de Alexandre Frota é apenas uma desculpa. Os velhos tucanos ainda não engoliram o fato do governador João Dória ter se apoderado do PSDB. Além de emplacar Marco Vinholi como presidente estadual do partido, Dória também indicou a presidência nacional.

- Hoje, a velha guarda do PSDB é formada por Fernando Henrique Cardoso, Geraldo Alckmin e José Serra, além de José Aníbal.

- Mesmo com a decisão de Marco Vinholi em manter Alexandre Frota no PSDB, o assunto será discutido pela Executiva Nacional, campo onde o governador João Dória não tem tanto poder.


- Não tem choro, nem vela. Muito menos uma fita amarela. No orçamento de 2020 não constam os R$ 26 milhões necessários para pagamento dos atrasados do dissídio de 2015. Os valores do orçamento - que deve girar em torno de R$ 400 milhões - estão sendo preparados pelas Secretarias de Finança e Planejamento, destinando os recursos para saúde, educação, infra-estrutura e manutenção da máquina.

- Segundo informações, não há previsão sequer do pagamento do dissídio de 2020. Mas o governo deve repassar o mínimo previsto em lei aos funcionários: o reajuste do IPCA. A previsão dentro da administração é que a Justiça possa indicar como o pagamento do dissídio atrasado irá ocorrer, mas sem a obrigação imediata da liberação dos recursos.

- O Simcat não divulgou qualquer nota a respeito e os advogados que estão com a ação permanecem em rimo de espera. Teve aquela história das planilhas erradas, que o governo reconheceu o erro, e a partir daí, tudo silenciou.

- Os vereadores irão debater o orçamento de 2020 e há quem pense em apresentar uma emenda destinando verba para o dissídio. Detalhe: mesmo que isso acontecer, na prática não terá qualquer valor. As previsões econômicas para o ano que vem não são das melhores.

- Possivelmente, a história do dissídio irá ser pauta na próxima disputa eleitoral. Até lá, o funcionário ficará a ver navios.

- Os clientes da VIVO, em Catanduva, tiveram problemas com a operadora neste final de semana. No sábado, os telefones fixos e celulares ficaram mudos. Alguns usuários da OI também relataram problemas. A empresa Vivo informou que uma falha num cabo do sistema causou o apagão que durou cerca de cinco horas.

- O evento do PSL - de ingresso de filiados - foi considerado um sucesso. Realizado no último sábado, no Hotel IBIS, reuniu dezenas de simpatizantes do governo Bolsonaro, e um outro tanto de novos filiados. Com o tema: "No dia 17, vem para o 17", o PSL realizou a campanha de filiação em diversas cidades. As lideranças do partido, em São Paulo e Brasília, se dividiram para participarem de todas as reuniões.

- A deputada Beth Sahão vem utilizando suas redes sociais, principalmente o Twitter, para defender com unhas e dentes o Partido dos Trabalhadores, atacar o governo federal e de quebra lembrar o slogan "Lula Livre". A deputada vem buscando se transformar no maior nome do PT dentro do Estado de São Paulo.

- Na outra ponta, o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, vem realizando encontros semanais com membros do PSDB espalhados pelos quatro cantos do Estado. Ele alterna sua agenda de secretário e presidente estadual do partido tucano. Neste final de semana, esteve em São Sebastião e Presidente Prudente, além de agenda oficial na região da Capital. Nos encontros do PSDB está sendo acompanhado de seu pai, Geraldo Vinholi.

- Falando em PSDB, o site do partido - em São Paulo - foi hackeado. Ao invés das idéias tucanas, quem acessou o endereço encontrou a foto de Lula e Dilma.

- O clima deu uma esquentada nos bastidores da Câmara. Vereadores estão reclamando que o presidente do Legislativo, Luis Pereira, vem usando o espaço de divulgação oficial para aparecer mais que os demais. É "Dr. Luis Pereira" para cá, "Dr. Luis Pereira" para lá.

- O setor de comunicação garante que abre espaço e material para todos os vereadores, de forma indistinta.

- Falando nisso, dia desses o vereador Cidimar Porto usou os canais oficiais da Câmara para divulgar o fato de que a Justiça Eleitoral aprovou suas contas da campanha para deputado. Pela Lei, a área de comunicação da Câmara só pode divulgar trabalhos legislativos. O que não foi o caso.

- E nesta semana acontece a Feira do Comércio. De 21 a 24, no SESC. Dezenas de participantes e ofertas. Vale a pena conferir e sair com umas sacolas embaixo do braço. O evento já é uma tradição catanduvense e realizado pelo Sincomércio.

- Aliás, a Feira do Comércio já está em sua 32º edição.


CANAL ARTE DA GUERRA

Comandante Robinson Farinazzo Casal


A notícia não tem hora para acontecer...

GRUPOS DE WHATSAPP PASSANDO A LIMPO

DIA 04/08/2019 - 122 VAGAS

Os leitores do site Passando a Limpo que tiverem o aplicativo WhatsApp podem receber em primeira mão as notícias mais importantes do dia. Política, cotidiano, esportes, prestação de serviços, utilidade pública, administração, enfim, tudo isso em seu aparelho celular.

Acompanhe praticamente em cima da hora o fato, as repercussões, as opiniões. Saiba antes de todo mundo aquela notícia que será a discussão do dia seguinte.

Para participar é fácil.

É só clicar no link abaixo.

Diariamente informaremos o número de lugares disponíveis.

Afinal, a notícia não tem hora para acontecer...

Clique no link abaixo (ou nas imagens acima), e faça parte de nossa comunidade.

VOCÊ TAMBÉM PODE PEDIR O ACESSO ATRAVÉS DO WHATSAPP (11) 99118-5007


Colunismo mais que social tem nome e sobrenome:

Arlindo Gutemberg

PARA ENTRAR NA PÁGINA DE ARLINDO GUTEMBERG - NO FACEBUNDA - CLIQUE AQUI. DEPOIS, CURTA E SIGA. ATUALIZAÇÕES DIÁRIAS


Onofre Baraldi propõe Projeto de Lei que prevê divulgação de lista de espera para o SUS

A ideia é que população saiba pela internet qual a posição para consultas, exames e cirurgias Na tarde de sexta-feira, 26 de julho, o vereador Onofre Baraldi protocolou na Secretária da Casa de Leis o Projeto de Lei que propõe dar publicidade à lista de pacientes que aguardam atendimentos, exames e cirurgias na rede municipal de saúde.

Segundo o vereador, o objetivo é trazer ao usuário do SUS – Sistema Único de Saúde, informações sobre o tempo médio de espera para atendimento na rede municipal, assim como a posição em que o paciente se encontra na fila.

“Entendemos que fazer a divulgação da listagem de precedência, segundo a ordem de inscrição, além de moralizar e dar transparência, ajudará também a administração, que terá mecanismo para avaliar a demanda existente em cada tipo de atendimento e assim programar melhor o serviço”, afirmou Onofre.

Pelo projeto, a divulgação deve ser feita eletronicamente e nas unidades de saúde, sem restrição de acesso, mas garantindo o direito de privacidade dos pacientes, sendo divulgado apenas o número do Cartão Nacional de Saúde (CNS). As listagens serão disponibilizadas pela Secretaria Municipal de Saúde, que deverá seguir rigorosamente a ordem de inscrição para a chamada dos pacientes, exceto em casos de urgência.

A lista deve conter: data de solicitação da consulta, do exame ou da intervenção cirúrgica; aviso do tempo médio previsto para atendimento aos inscritos; relação dos inscritos habilitados para o respectivo exame, consulta ou procedimento cirúrgico e relação dos pacientes já atendidos.

O PL prevê ainda, que todas as unidades de saúde do município ficam obrigadas a tornar pública, mensalmente, a quantidade de pacientes atendidos, a movimentação do número de inscrições das listagens e a situação atual de cada paciente em relação à sua respectiva lista.

O projeto deverá entrar em discussão e votação após o recesso parlamentar.




WhatsApp - (11) 9 9118-5007



PASSANDO A LIMPO NO FACEBOOK - CLIQUE AQUI E CURTA



http://twitter.com/arthurgodoyjr



PARA SABER MAIS INFORMAÇÕES DE CATANDUVA E REGIÃO:


Tempo e temperatura


Google


Atenção!

Para ter Passando a Limpo em seu órgão de informação, ou receber material editorial de Arthur Godoy Junior, entrar em contato com a direção do site pelos telefones, e-mail ou endereços citados nesta página. Consultorias em jornalismo e estratégias de informação também podem ser adquiridas pelo mesmo método.


ENTRE EM CONTATO

(011)

99118-5007

ou...

(011) - 99118-5007 - WHATSAPP

E-mail: arthur007@uol.com.br


PODERES


Se você gostou deste site, acha que falta alguma coisa, colabore com a gente. Envie e-mail para arthur007@uol.com.br, ou telefone para (11) 99118-5007. Precisamos do seu apoio e incentivo, já que esta página é editada em São Paulo - S.P., a 385 km de Catanduva e região. Nossa intenção é informar, debater e ajudar. Mande suas informações, fotos, comentários. Ajude a manter este espaço. Agradecemos desde já. (Passando a Limpo)



Passando a Limpo é uma publicação on-line do jornalista Arthur Godoy Júnior (MTB 26.822) Endereço para contato: Rua Domingos Teotônio Jorge nr. 61 - Aricanduva - São Paulo - S.P, CEP 03904-040. Telefones: (11) 99118-5007, (0xx11) 2725-1346. E-mail: arthur007@uol.com.br - Hospedado na Locaweb - São Paulo. On-line desde 19/01/2003.